Francesca Scanu

Equilíbrio Integrativo & Dinâmico : Ação fitoterápica do Juglans Regia (Nogueira)

Por Francesca Scanu em Julho de 2021

Tema Saúde / Publicado na revista Nº 21
278 visualizações

“Se adormece à sombra de uma nogueira, acorda com garras de Leão” Proverbio Popular

Os provérbios populares são sempre depositários de uma grande sabedoria, o que nos falta, na maioria das vezes, são os conhecimentos complementares ao tema evocado para que a mensagem seja decodificada na sua forma a mais exaustiva.

O nome latim utilizado para designar a planta da nogueira é Juglans Regia, que traduzido significa : “O rei da selva”, identificando com isso o leão, esse animal nobre, digno e frequentemente apartado que, com aparente distancia e discrição, monitora os acontecimentos do perímetro que resulta ser o seu território.

 Assim como o animal, a planta da nogueira cresce geralmente em lugares isolados, na encosta das colina com vista para o vale, permitindo a este nobre figura uma visão amplia do seu horizonte. 

O Juglans Regia pertence ás angiospermas dicotiledóneas, da família Juglandaceae, vulgarmente conhecidas como árvores das nozes.

Se focássemos a nossa atenção na vegetação presente no diâmetro circundante o solo onde cresce esta árvore, veríamos que muito poucas ervas ou outras plantas crescem por debaixo ou imediatamente próximas da Juglans Regia. A razão está relacionada com um composto aromático orgânico libertado pela mesma, o juglone, que, espalhando-se no solo, provoca a dormência das sementes e inibe o desenvolvimento das outras plantas presentes na área circunstante.

Esta caraterística protege a planta das espécies parasitas ou daninhas que poderiam impactar negativamente o seu desenvolvimento e os seus ciclos reprodutivos.   

Por esta e outras propriedades, a Juglans Regia é uma plantas frequentemente utilizada para a realização de galénicas a uso fitoterápico: tinturas mães, infusões, decocções, em pó ou em macerado glicerinado, as suas diferentes constituintes (folhas, casca e botões) colaboram na promoção e na recuperação do equilíbrio natural do organismo. 

Neste artigo vamos aprofundar as propriedades dos botões da nogueira, os quais, recolhemos na primavera e deixadas a macerar (pelos profissionais desta área) em água, glicerina e álcool permitem a confeção do preparado fitoterápico conhecido sob o nome de Macerado Glicerinado de Juglans Regia. 



Como todos os preparados a través desta galénica, o Macerado Glicerinado de Juglans Regia tem um espectro de ação muito amplio, o qual, a nível fisiopatológico inclui : 

Reabilitação e reparação da flora intestinal (tratamento da disbiose e da permeabilidade intestinal)

Equilíbrio do Sistema Nervoso entérico (regulação dos impulsos nervosos entre o cérebro e o trato intestinal) 

Reequilíbrio da função endócrina do pâncreas (gestão dos níveis glicémicos no sangue)

Redução da hipertensão arterial e dos níveis de LDL e de triglicéridos no sangue

Gestão da híper secreção seborreica do derma e do coro cabeludo derivante do excesso de gorduras saturadas e hidratos de carbono de origem alimentar

Prevenção na manifestação de fenómenos como a insuficiência hepática e renal

Como podemos ver, a planta tem um foco particular na gestão dos processos metabólicos (pâncreas, fígado, rins e flora intestinal), o estado dos quais influencia o equilíbrio geral dos processos fisiológicos desenvolvidos por órgãos e glândulas que desempenham funções complementares (pele, coro cabeludo, coração, sistema nervoso) ás dos sistemas acima mencionados. 

Tomar consciência da interdependência existente entre os diferentes componentes do organismo resulta de grande importância quando queremos perceber as teorias subjacentes as praticas utilizadas nas terapias holísticas, nas quais o organismo é considerado como um sistema global, no qual as várias componentes são, entre elas, interdependentes .

Uma outra característica dos preparados fitoterápicos, na galénica dos macerados glicerinados, é a ação que eles desempenham a nível psico-emocional.

Para que esta ação possa se realizar, é necessário que o macerado seja submetido a uma diluição homeopática de 1DH , para que o organismo detete e possa utilizar informações provenientes de planos mais subtis.

Quando o Juglans Regia é ingerido na forma diluída de 1DH, por além da sua função a nível fisiológico, este atua também a nível mais subtil, entrando em interação com a esfera psico-emocional.

 

Em particular, é importante destacar a sua ação a nível da flora intestinal, a qual determina e define a barreira entre a nossa interioridade (a nossa personalidade profunda) e as influencias exteriores.

Estas ultimas, a nível orgânico e molecular equivalem ás moléculas antigénicas que, quando presentes de forma excessiva e descontrolada, podem desequilibrar a flora saprófita endógena.

De forma equivalente, a nível psico-emocional, o macerado glicerinado de Juglans Regia atua na redefinição e no reforço das barreiras protetivas envolvidas no equilíbrio do individuo, atuando sobre a capacidade de reflecção e de reelaboração dos parâmetros de aceitação ou de rejeição de ideias, ideais, valores, criticas, opiniões e/ou de outras influencias provenientes do ambiente exterior.


Assim, quando no nosso quotidiano as relações sociais e as influencias exteriores constituem uma carga negativa capaz de provocar transtornos sobre a nossa conduta diária, o Juglans Regia em macerado glicerinado 1DH, colabora na conscientização do papel que estas estão a desempenhar na constituição da nossa personalidade, promovendo o efeito barreira frente ao que consideramos indesejável ou nefasto para o nosso equilíbrio. 

Assim como a nogueira faz a través da produção do juglone que (citando o texto) :  

« espalhando-se no solo, provoca a dormência das sementes (inoportunas) e inibe o desenvolvimento das plantas (parasitas) indesejáveis».

Desta forma, ativamos o leão  de guarda que habita no nosso ser profundo, para preservar e proteger o que promove a nossa harmonia e o desenvolvimento do nosso pleno potencial.


Francesca Scanu

Terapeuta 

Diretora do Ensino Polo Naturopatia

Escola L’Académie – France

https://academie-france.com/naturopathie/ 



ARTIGO SUGERIDO

2021  -  Ano “rápido” e de relevações

2021 - Ano “rápido” e de relevações

Silvana Correia
Por Silvana Correia em Janeiro de 2021
Tema Saúde
903 visualizações

Tendo por base a teoria do caos, lei do universo presente em tudo, uma pequena mudança no início de um evento, pode causar consequências enormes e imprevisíveis no futuro. Integrada nesta ...
Ler mais

OUTRAS LEITURAS

O Livro Sagrado de Takumah

Por Carlos Carvalho
119 visualizações

"Todo este trabalho é direcionado à Humanidade do Planeta Terra.

Este livro compõe-se do instante existente nos meus diários ...
Ler mais